4 motivos que fazem o filme Se Eu Ficar ser melhor que o livro

Ontem eu fui conferir a estreia do filme Se Eu Ficar.

Li faz uns dois meses o livro e eu fiquei muito decepcionada com aquilo. O pôster do filme chamou minha atenção, depois o título e por observar que o filme estava perto de estrear.

Depois foram tantos elogios com o livro Se Eu Ficar e que me deixou ainda mais ansiosa. Nem tudo que leio elogios faz eu necessariamente ir conferir.

Infelizmente eu não identifiquei nada que todos aparentemente identificaram na leitura de Se Eu Ficar. Pensei em abandonar diversas vezes, mas também me forçava a continuar para saber como que ia acabar e se a personagem ia ou não ‘ficar’ rs.

Por outro lado, ao assistir ao trailer do filme eu já fiquei emocionada. Talvez por ainda terem colocado aquela maldita música “Say Something” também e ai tudo contribuiu para em menos de 2 minutos ficar chorando ao ver as cenas.

Então assisti ao filme Se Eu Ficar e ele é bem fiel ao livro. Talvez algumas coisinhas foram cortadas ou adaptadas para uma melhor posição no filme em si.

E posso afirmar nos 4 motivos abaixo o porquê do filme Se Eu Ficar ser melhor que o livro

1) Chloë Grace Moretz

chloe grace moretz

Essa garota é maravilhosa. Não sei o que afinal os pais delas colocaram nela, mas tudo que ela faz é incrível. Ela na tela é um espetáculo. É linda, ótima atriz e você apenas fica com os olhos presos e vidrados quando ela aparece.

Nunca li ninguém falando algo ruim dela. Desde pequena é super elogiada e com todos os méritos possíveis. Fico espantada em ver que ainda tem 17 anos. Parece que a conheço mais tempo que isso.

Ela tem todo o jeito mesmo de Mia, porém de uma forma que só Chloë consegue em cada papel que atua.

2) Trilha Sonora

Livro é livro né… por mais que muitas das vezes ele seja melhor que um livro, aqui isso não acontece. Por mais que em um livro você possa viajar em seus pensamentos, imaginar, criar e transformar aquilo como algo mais seu e em sua realidade… no caso de um livro que trata bastante de música, isso fica um pouco em segundo plano.

No filme não. Se Eu Ficar deixa você totalmente no mundo deles, você observa e escuta como é o mundo dos pais da Mia, seus gostos musicais, o da Mia e do Adam.

As músicas escolhidas para as cenas são ótimas, e as cantadas ou tocadas também são muito boas.

Se eu ficar filme

Nem sou fã de rock em si, mas adorei ver o grupo do Adam. E ele cantando é uma graça. Eles tocando todos juntos naquela reunião de família foi simplesmente incrível. E, lógico, a música do Adam tocando perto do final <3.

Só senti falta de Say Something… que já me matou no trailer e felizmente/infelizmente não teve seu momento em nenhuma cena do filme

3) Não tem enrolação

Filme Se Eu Ficar

Alguns filmes não tem tempo para enrolação e o filme Se Eu Ficar não tinha. Alívio. Era bem mais fácil de acompanhar as lembranças e a ‘realidade’ e não dava vontade de levantar e ir embora.

Acredito que eu tenha achado até um pouco corrido… poderiam, se quisessem, ter dado até um tom ainda mais dramático no filme.

No conjunto, foi totalmente positivo aqui e não senti aquele arrastado do livro.

4) Não é pego de surpresa com o final

Amo me surpreender, adoro que o autor quebre a minha cara etc. A questão é que o livro sim é emocionante e eu como uma boa chorona não pude segurar as lágrimas no final.

Mas depois de TANTA enrolação eu não merecia aquele final. Ele é tão abrupto que eu me segurei mesmo para não ir até a autora e xingá-la muito.

E eu que tinha me segurado tanto para não abandonar o livro, ser presenteada com aquilo? Parecia uma tremenda sacanagem.

Com o filme Se Eu Ficar, é até um pouco mais corrida essa parte, mas mesmo assim eles fazem igual. É praticamente igual ao livro, e assim como você percebe que aquela é a palavra final do livro e você passa a página e nada mais existe, apesar de você poder jurar que veio faltando sim algumas páginas ou apagaram as palavras….. depois de estar preparado para isso, no filme não te deixa tão irritada. Eu percebi uns suspiros de frustração de algumas pessoas no cinema, mas eu já esperava por aquilo então não pude me irritar.

E claro que eu já estava mais aliviada ao saber que tinha uma continuação em livro. Assim, pude dar uma freada nas maldições que eu jogava para Gayle Forman.

Tem uma crítica comentando que ‘Se Eu Ficar’ causa mais choro que ‘A Culpa É das Estrelas’, e eu discordo. Claro que eu não medi quantas lágrimas eu deixei cair para cada um deles, mas posso dizer que o sentimento que gera em A Culpa é das Estrelas é muito maior.

O certo vazio que te deixa em A Culpa é das Estrelas nem dá para comparar com Se Eu Ficar. É mais tocante e mais profundo.

Mesmo que tratem com tragédias diferentes e tenha o amor adolescente etc…. A Culpa é das Estrelas é muito mais história e ‘real’. Acho.

Se Eu Ficar Filme melhor que o livro

Click Here to Leave a Comment Below

TOP